quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Como dar mais produtividade ao operador de caixa?



Agregar produtividade ao operador de caixa é sobre unir eficiência e agilidade. Tanto os próprios colaboradores quanto os recursos devem estar prontos para entregar alta qualidade aos clientes, desempenhando processos com propriedade e autonomia.

Nesse cenário, qual é o papel da liderança para potencializar o desempenho da equipe? Pensando nesse assunto, preparamos este post para ajudar você nesse caminho. Quer saber por onde começar? Leia o conteúdo a seguir!

Conheça os desafios da sua equipe

 

É comum que gestores busquem a produtividade principalmente na linha de frente da empresa, garantindo a maximização dos resultados e a alta qualidade, mas se a direção não está inteirada sobre o dia a dia dos colaboradores, nunca vai ter uma perspectiva real sobre o que pode ser melhorado.

Sendo assim, antes de qualquer coisa, busque os gargalos operacionais direto na fonte: comunique-se com os operadores de caixa para saber o que mais atrapalha a produtividade, além de coletar sugestões do que pode melhorar o processo e atendimento. Essa ação vai favorecer o clima organizacional e dar uma visão pontual sobre a operação.

 

Dê condições para a alta performance


Se a fila sempre está enorme nos caixas, isso é um mau sinal. Contudo, como exigir que quem trabalha nesses postos seja mais ágil quando, por exemplo, o sistema de cobrança é lento? Não deixe que pontos estruturais prejudiquem o andamento do trabalho.

Observe a gestão de filas, o padrão de cadastro de clientes, o espaço no qual a equipe exerce suas funções, as questões internas como tempo de pausa, promoção do bem-estar corporativo, salário oferecido, treinamentos técnicos, relacionamento com a liderança etc.

BREVE.

Guia-definitivo-para-ser-um-excelente-gerente-lojas 

Trace planos e metas factíveis



É essencial não cobrar a realização de propósitos que simplesmente não cabem dentro da realidade do empreendimento. Por isso ter proximidade com os desafios da equipe é tão importante. Ainda que por meio de relatórios, acompanhe o desempenho periodicamente, elencando pontos negativos e buscando a causa deles.

Feito isso, é possível traçar planejamentos tanto para a melhoria da estrutura de trabalho — a fim de dar condições para o alto desempenho — quanto para alçar objetivos ligados ao crescimento da organização. Seja ousado, mas não mire no impossível: juntamente com a equipe, estabeleça passos menores para alcançar o propósito maior e estipule prazos.

 

Reconheça os resultados positivos


Está nas necessidades humanas: o social importa, e o reconhecimento é a forma de manifestar a saúde dessas relações. Crie programas para recompensar o trabalho bem-feito. Atos como “colaborador do mês” podem ter um efeito positivo de acordo com o perfil da sua equipe.

Entretanto, não se apegue a esses títulos: colocar uma ideia de melhoria em prática, mencionar um resultado positivo numa reunião e até mesmo agradecer o empenho nas funções também conta. Você pode engajar a equipe criando prêmios, que podem ser bônus em dinheiro, viagens, dias de folga etc. O importante é ter valor para os colaboradores.

 

Automatize o máximo de processos


Não adianta ter operadores de caixa que trabalham em potência máxima se os recursos não são bem aproveitados, pois isso vai apenas desgastar os colaboradores e demandar um esforço enorme para pouco resultado. Diante disso, se exalta a importância de processos eficientes.

Use a tecnologia a favor da linha de frente, mas se atente ao que realmente pode agregar valor ao trabalho. A dica para não errar é o uso de um software de automação. Essa ferramenta adiciona produtividade ao operador de caixa, eliminando possibilidade de erros humanos e lances repetitivos que tomam o tempo sem dar resultados efetivos.

Quer saber como trazer toda essa expertise para a gestão do seu negócio? Entre em contato conosco e conte com a nossa experiência a favor da sua empresa! Ou teste gratuitamente nosso sistema por 7 dias.

Sucesso e até a próxima.



Nenhum comentário:

Postar um comentário